Saúde

CHUCB reforça proteção no combate à covid-19

Câmaras trazem mais segurança aos médicos e enfermeiros

CHUCB reforça proteção no combate à covid-19
Caixa de entubação. FOTO: Divulgação

O Centro Hospitalar Universitário Cova da Beira está mais preparado para combater o coronavírus mantendo a segurança da equipa de médicos e enfermeiros. A unidade de saúde recebeu cinco câmaras de proteção profissional para os procedimentos de abordagem da via aérea.

As chamadas “caixas de entubação” são equipamentos que se encontram nos blocos operatórios, nos serviços de urgência e nas UCI, preparadas para os profissionais que precisam realizar procedimentos em que existe um elevado risco de produção de aerossóis, como a entubação e a extubação de doentes.

As caixas criam uma barreira física, reduzindo assim o risco de contágio de médicos e enfermeiros, sem comprometer a visibilidade do procedimento durante a sua execução. Além disso, os equipamentos têm a vantagem de serem reutilizáveis. Especialistas ressalvam, contudo, que a utilização destas caixas não exclui o uso dos restantes equipamentos de proteção individual e as medidas de higienização já conhecidas.

A segurança dos profissionais de saúde e dos doentes tem sido uma prioridade para o CHUCB, nos tempos difíceis em que vivemos, e que obrigaram a uma grande capacidade de adaptação a esta nova realidade. Estes equipamentos vão fazer a diferença, muito em particular nesta fase em que nos estamos a preparar para, gradualmente, recuperar a nossa capacidade de resposta também aos doentes não COVID-19, destaca o Dr. João Casteleiro, presidente do Conselho de Administração do hospital .

As caixas de entubação foram doadas através do fundo “Todos por Quem Cuida”, criado pela Ordem dos Médicos e a Ordem dos Farmacêuticos, com o apoio de outras instituições e da sociedade civil.

Aline Grupillo

Jornalista com 20 anos de experiência em jornalismo televisivo no Brasil. E-mail: jornalismo@redevivacidade.com