Turismo

Aldeias Históricas discutem acessibilidade do visitante

Ações ocorreriam no começo do ano e foram adiadas por causa da Covid-19

Aldeias Históricas discutem acessibilidade do visitante
Belmonte, um dos concelhos das Aldeias Históricas. FOTO: CM Belmonte

Um bom destino turístico é aquele que também dispõe de acessibilidade para todos que desejam visitar o local. A Rede de Aldeias Históricas retomou nesta quarta-feira, uma série de debates e ações de formação que visam a melhor acessibilidade no turismo dessas aldeias.

A proposta seria aplicada no começo do ano, mas foi adiada devido a pandemia da Covid-19. A nova versão, toda online, começou nesta quarta com um debate sobre acessibilidade, segurança, higiene sanitária e distribuição dos espaços.

Na outra quinta-feira (25), o debate será sobre “A importância da Comunicação Acessível no POS-COVID-19”, com Adelino Ribeiro e Ana Bela Baltazar, a partir das 14h30min. No dia 30, a última ação terá Pedro Silva | Paula Teles no debate sobre “A importância do Planeamento no Renascimento do Turismo e a Agenda 2030”.

As inscrições devem ser feitas pelo e-mail: catarina.marques@aldeiashistoricasdeportugal.com. Mais informações no telefone 275 913 395.

Participam das Aldeias Históricas de Portugal, os concelhos do Distrito de Castelo Branco: Belmonte, Fundão, Penamacor e Idanha-a-nova e os concelhos do Distrito da Guarda, Almeida, Figueira de Castelo Rodrigo, Manteigas, Meda, Trancoso e Sabugal.

Redação Viva Covilhã

Entre em contato com a redação do Viva Covilhã | jornalismo@redevivacidade.com